7 brincadeiras antigas para a criançada se divertir

crianças brincando
crianças brincando

Fonte: Demonstre

Não muito tempo atrás, nós não tínhamos acesso aos videogames e nem smartphones, como é hoje. As crianças atuais muitas vezes passam mais tempo com os olhos voltados para as telas do que brincando e interagindo de verdade com outras pessoas.

E foi pensando nisso que separamos essas sete brincadeiras antigas para você matar a saudade da infância, entender um pouco mais sobre o benefício de cada uma e adotar essas velhas brincadeiras para nova geração! Quer conferir um pouco mais? Então continue lendo!

1 – Bolinha de gude

Também conhecida como berlinde, as bolinhas de gude são uma das brincadeiras mais conhecidas e são poucos os pais de hoje em dia que nunca brincaram disso com os seus irmãos ou com os amigos da rua.

A brincadeira possui várias modalidades, sendo as mais conhecidas as três covinhas e triângulo. Ideais para se brincar em pequenos grupos, as partidas que envolvem bolas de gude são boas para estimular o raciocínio de estratégia e a cognição motora das crianças.

2 – Adoleta

De origem francesa e com a letra adaptada para o português, a brincadeira adoleta pode ser feita em dupla ou grupos. As crianças precisam prestar atenção para não sair do jogo assim que a letra acaba. Além de estimular os movimentos rápidos, a adoleta também estimula o foco, afinal ninguém quer sair da brincadeira, não é mesmo?

3 – Pula corda

Além de estimular a coordenação motora, pular corda ajuda na interação e convívio social se for feita em grupo. Há diversas modalidades que podemos fazer com as crianças, como cabo de guerra e limbo. Você pode conferir outros jogos de recreação com cordas em brincadeiras de cordas: 5 dicas para os pequenos brincarem em grupo.

4 – Ciranda

“Ciranda, cirandinha, vamos todos cirandar…” quem nunca cantou essa música enquanto estava de mãos dadas com os coleguinhas numa roda na escolinha? Lembrando desse fato, você pode inserir essa brincadeira no dia a dia da escola ou brincar com seus filhos em casa. Vale a pena brincar com os mais novinhos já que ela estimula a interação social e a movimentação.

5 – Pique-bandeira

Essa é uma brincadeira clássica que reúne toda a criançada e desenvolve muita estratégia e agilidade. Cada grupo precisa impedir o outro de pegar sua bandeira e, ao mesmo tempo, roubar as que pertencem ao outro grupo. Você pode chamar a criançada para brincar no pátio de casa, na quadra de futebol da escola, mas lembre-se de delimitar a área para as bandeiras porque senão ficará muito fácil para eles.

6 – Dança da cadeira

Também visando a agilidade e estratégia, a dança da cadeira é divertida para todas as idades. Com o auxílio do seu celular, você pode escolher diferentes estilos musicais para eles irem dançando enquanto prestam atenção no momento exato em que devem sentar. Isso dará ritmos diferentes a cada rodada e divertirá a garotada a cada pause da música.

7 – Amarelinha

A amarelinha, quando é jogada em grupo, se torna mais interessante e recreativa. A brincadeira é essencialmente para aprimorar a movimentação e o equilíbrio, já que a criança precisa pular – muitas vezes com um pé só – entre os quadrados numerados que ficam escritos em giz no chão.

Quando você for ajudar a desenhar os circuitos para elas, lembre-se de fazer de acordo com o tamanho de cada criança e, claro, ir aumentando a complexidade do circuito conforme elas forem aprendendo.

O que você achou de ter relembrado todas essas brincadeiras antigas? Com elas você também deixará as crianças entretidas sem necessitar do mundo digital, além de matar um pouco de saudade da sua infância. Com certeza os pequenos vão se divertir muito! Você pode conferir outras dicas para a garotada em atividades e brincadeiras para crianças de 5 anos que estimulam a criatividade.

Deixe uma resposta