Como organizar festa à fantasia infantil

Crianças fantasiadas para o carnaval e palhaço

Fonte: Viva Melhor Online

A festa à fantasia é sempre amada pelos pequenos porque permite a eles um dia para soltarem sua imaginação e viverem de fato. Bruxa, princesa, super-herói… Eles se divertem! E o melhor é que essa temática funciona muito bem para as mais diversas situações: aniversários, Dia das Crianças, Dia das Bruxas (Halloween) e até mesmo para alguma confraternização sem motivo específico.

Por isso, hoje vamos falar sobre como organizar uma festa à fantasia infantil que vai fazer sucesso entre a criançada e até entre os papais. Confira nossas dicas!

Organizando a festinha à fantasia

1 – Faça a lista de convidados

Esse é o primeiro passo! É a quantidade de convidados que vai definir se a festa pode ser feita em casa, salão de festas do condomínio ou se será necessário locar um espaço de festas. Além disso, nesse momento, você deve definir se os pais, por exemplo, serão convidados também.

Isso tudo é importantíssimo porque influenciará não só no local, mas no dia, no horário, nos comes e bebes oferecidos, e até se você precisará de ajuda de outras pessoas para servir e cuidar das crianças.

2 – Defina local, dia e horário

Sabendo quantos convidados, escolha o local de acordo com a proposta da festinha. É algo mais intimista e com poucos convidados? Sua casa ou o salão de festas pode bastar. Mas, se forem muitos os convidados, locar um salão de festas é o melhor.

Festa infantil costuma ser à tarde para evitar se estender até muito tarde. Mas cuidado para escolher um horário que seja acessível para os pais levarem as crianças: a partir das 16h ou 17h costuma ser um bom horário.

3 – Comidinhas e bebidas

Em geral, por estarmos falando de crianças, o ideal é optar por um cardápio equilibrado, composto por salgados e guloseimas, mas com opções leves também. Lembre de confirmar com os pais se alguma das crianças tem restrições, por exemplo: não toma refrigerante, tem intolerância à lactose…

Salgados:

  • cachorrinhos;
  • minissanduíches;
  • salgados de padaria;
  • enroladinhos;
  • canudinhos recheados;
  • pizzinhas;
  • pipoca.

Doces:

  • frutas;
  • cookies;
  • tradicionais branquinho e brigadeiro;
  • salada de frutas;
  • picolés ou sacolés de fruta.

Bebidas:

  • sucos naturais;
  • batidas (de banana e morango, por exemplo);
  • milk-shake;
  • água;
  • refrigerante.

No geral, sirva de maneira que os lanches estejam prontos para serem consumidos sem dificuldade pelos pequenos. Lembre-se de evitar utensílios de vidro (copos e pratos) ou com pontas afiadas (talheres).

4 – Providencie os convites

O convite é um dos últimos detalhes do “planejamento” porque nele devem ir todas as informações redondinhas: local, data, horário e outras informações que podem ser importantes. Veja algumas delas:

  • até que horário a festa irá (principalmente caso seja feita em um espaço locado por horas determinadas);
  • indicar caso seja necessário o convidado levar algum prato ou bebida;
  • ir vestindo ou levar alguma roupa específica (em caso de alguma atividade diferenciada ou mesmo temática de festa à fantasia específica, como fantasias de terror para o Halloween, por exemplo);
  • especificar caso os pais estejam convidados para permanecer na festinha com os filhos.

Já para enviar os convites, veja algumas ideias: bilhetes físicos, evento no Facebook (cada vez mais popular e prático), convite compartilhado pelo WhatsApp (você pode digitar mesmo o recado ou providenciar uma imagem com as informações como convite) ou ligação (essa opção costuma ser ruim porque a informação não fica registrada).

Uma coisa é certa: independente de como você escolha fazer o convite, mande com antecedência mínima de três semanas para que os pais possam se organizar. Tão feio quanto esquecer de convidar alguém é convidar em cima da hora e correr o risco da festinha não sair por falta de convidados.

5 – Temática da festa

A festa à fantasia pode ser de temática livre. Essa opção costuma ser mais acessível porque cada um vai fantasiado do que realmente quiser. Mas, nada impede de estipular um tema, como “festa à fantasia de terror” para o Halloween.

Independente da sua escolha, veja algumas ideias inspiradoras!

 

Decoração da Mulher Maravilha para festa infantil

Fonte: Pinterest

 

Decoração para festa infantil

Fonte: Pinterest

 

Bandeja com bananas decoradas em festa infantil

Fonte: Pinterest

 

Mesa de docinhos em festa infantil decorada com máscaras de carnaval

Fonte: Pinterest

 

Mascara dos Minions

Fonte: Pinterest

 

Mesa de comidas em aniversário infantil com temática do Halloween

Fonte: Pinterest

6 – Brincadeiras e músicas

Não esqueça de separar uma lista de brincadeiras e de músicas. A dica de ouro é pedir sugestões aos pais!

Algumas ideias de brincadeiras: vivo ou morto, gata-cega, dança da cadeira, caça aos objetos, estátua, pinturas faciais, guerra de bexigas de água e tantas outras populares.

Além disso, se a festinha for ao ar livre, ou se você tiver bastante espaço disponível, uma dica é legal é apostar no aluguel de brinquedos.

Sim, em apenas seis passos é possível organizar uma festa à fantasia infantil. A chave de tudo é ter organização. E com as nossas dicas não tem erro! Mãos à massa e boa festinha!

Deixe uma resposta