Como organizar uma festa de criança

Decoração para festa infantil

Fonte: Cook and Joy

Festinha de criança é sempre tudo de bom para os pequenos, mas para os pais organizadores pode render preocupações e ansiedade, principalmente pela quantidade de tarefas envolvidas. No entanto, não precisa ser assim.

Para facilitar a preparação de todos os detalhes e garantir o sucesso da festinha sem dores de cabeça para os pais, separamos esse tutorial descomplicado e prático com todos os detalhes de como organizar uma festa de criança. Confira!

1 – Defina local, data e número de convidados

Fará a sua festinha em algum salão de festas locado, em casa ou no salão do seu condomínio? Cada opção vai influenciar na data da festa e no número de convidados (logo, nos demais preparativos também). O ideal é que você consulte as opções considerando o custo (R$) de cada local e a capacidade de pessoas sentadas no ambiente (esse é um cuidado especial para garantir o conforto de todos).

Espaços pensados especialmente para festas costumam ser maiores (ponto positivo para festas com muitos convidados), porém o aluguel costuma ser mais “salgado”. Já fazer a festinha em casa ou no salão de festas do seu condomínio reduz um grande custo, embora a lista de convidados tenha que ser menor. Pense na sua prioridade e decida. Lembre apenas que salões precisam de reserva com antecedência para garantir a data do evento.

E atenção com a data e o horário: dias de semana e à tarde não são uma boa opção, pois os pais podem estar trabalhando e, mesmo que você convide apenas crianças, alguém precisa levá-las! Então, opte pelos fins de semana. Também dê uma olhada no calendário para que outros eventos não interfiram no sucesso da sua festa.

2 – Faça a lista de convidados

Fazer a lista de convidados respeitando a capacidade de pessoas do ambiente da festa é importante, mas lembre que sempre há aqueles que não conseguem ir. Por isso, calcular uma margem de erro e convidar a mais (dentro dela) não é um problema. Apenas já vá conversando com os convidados e pedindo confirmação de presença.

Importante: Na hora de fazer a lista lembre que as crianças são os convidados especiais, mas permitir que pelo menos um responsável as acompanhe pode dar mais segurança para elas, para os pais e para a sua festa. As crianças precisam de supervisão, quanto mais olhares, melhor!

3 – Defina o tema e a decoração da festa

Temas para festa infantil, personagem de super heróis

Fonte: Portal Bebês

Escolha o tema da festinha junto do seu filho ou filha (essa parte costuma ser fácil: as crianças já tem na ponta da língua o que querem). Depois disso, você pode contratar um serviço de decoração que fará tudo por você (seja a festa em salão ou mesmo em casa). Mas, fazê-la por conta própria, pelo menos parcialmente, pode ser mais econômico. Para essa segunda ideia, temos algumas dicas:

  • pesquise por festas na temática escolhida, na Web, e use como inspiração;
  • no geral, usar as cores e os elementos principais do tema já é o suficiente;
  • pesquise em lojas de festas itens personalizados (alguns podem valer a pena), mas saiba que itens dentro das cores da temática funcionam bem: você pode mesclar os dois para ter um custo mais baixo.

Agora, algumas ideias de decoração para você se inspirar. É só fazer algumas adaptações e voilà: sua festinha ficará linda!

Decoração para festa infantil - Frozen

Fonte:Caveidea Event

Decoração para festa infantil - Patati e Patatá

Fonte: Elo 7

Decoração para festa infantil - Circus

Fonte: Encontrando Ideias

Decoração para festa infantil - Barbie

Fonte: Muito Chique

Decoração festa infantil em casa

Fonte: Ideias e Dicas

5 – Prepare as comidinhas

Se a lista de convidados for pequena, talvez você mesmo possa preparar algo mais básico (docinhos, cachorro-quente, canudinhos recheados e sanduíches, por exemplo). Já para uma festa maior, você pode fazer encomendas de profissionais (boleiras, padarias ou pessoas que fazem salgadinhos e doces em casa). Uma terceira opção é mesclar: encomende o bolo e alguns salgados e faça alguns outros e os docinhos!

Independente disso, já saiba que o ideal é que esteja tudo praticamente pronto no dia anterior à festa, para evitar transtornos. E, uma dica extra: tenha o cuidado de conversar com os pais para garantir que haja opções para crianças com restrições (lactose, glúten, carne ou refrigerante, por exemplo).

6 – Escolha as atividades e músicas

Contratar algumas empresas de animação privada, com animadores de festa infantil e brinquedos infláveis é uma opção, mas caso não queira, aqui vão algumas ideias:

  • pinturas de rosto;
  • balão surpresa;
  • dança da cadeira;
  • vivo ou morto;
  • campeonato de escultura (com massinha de modelar ou argila);
  • show de fantoches.

Use a sua criatividade e livre-se da timidez. O papai e a mamãe podem fazer um teatro também. A atração tem que divertir todo mundo, crianças e adultos!

Viu só? Bem mais fácil preparar uma festa infantil com organização, né? Agora é só colocar as mãos na massa porque essa festinha não pode esperar mais! Boa festa!

Deixe uma resposta